Principal
   Notícias Gerais
   Esportes
   Informática
   Variedades
   Eventos
   Educação
   Guia Astral
   Agenda
   Cobertura de Eventos
   Nossa Cidade
   Mural de Recados
   Utilitários
   Contate-nos
   Concursos
 
 
 
 
 
 Login:
 Senha:
 
Otimista Zagallo sonha com o titulo que falta...
30/01/07 às 08:35 h


No futuro
Otimista, Zagallo sonha com o título que falta

globoesporte.com

 

O currículo da seleção brasileira é de causar inveja em qualquer outra seleção do mundo. Só títulos de Copa do Mundo, competição mais importante do futebol, são cinco. Mas, há um espaço na sala de troféus que ainda precisa ser preenchido: a medalha de ouro olímpica. O Velho Lobo Zagallo, sinônimo de sucesso com a "amarelinha", está animado com mais uma oportunidade do Brasil conseguir este feito, desta vez em Pequim.


Nem a campanha irregular no Sul-Americano sub-20 é capaz de abalar a confiança do ex-treinador quando o assunto é seleção brasileira. A animação para falar da "verde e amarela" é a mesma de sempre.

- Acho que, com o tempo, a equipe vai se formando. A seleção está bem, está no caminho certo. Destaco a presença do Pato, que é um jogador de muita qualidade - analisa, por telefone, em entrevista ao GLOBOESPORTE.COM.

Treinador da seleção que disputou as Olimpíadas de Atlanta, em 1996, Zagallo levou um duro golpe no sonho de comandar o Brasil rumo a esta esperada conquista. O gol de ouro do nigeriano Kanu na semifinal da competição adiou mais uma vez a medalha dourada. Sobrou o bronze.

- A lição que fica de Atlanta é que não se pode pensar que já ganhou. A lição é o próprio resultado contra a Nigéria - afirma.

O Velho Lobo acredita que, em Pequim, a presença de medalhões não será fundamental para o sucesso da equipe (no torneio é permitido a inscrição de três atletas acima dos 23 anos).

- É uma questão de critério. Às vezes pode não valer a pena chamar jogadores mais experientes, e sim apostar nessa garotada aí, que está suando a camisa - diz.


 + Matérias Relacionadas:

Wilson
Mendonça
Repórter e
Redator