Principal
   Notícias Gerais
   Esportes
   Informática
   Variedades
   Eventos
   Educação
   Guia Astral
   Agenda
   Cobertura de Eventos
   Nossa Cidade
   Mural de Recados
   Utilitários
   Contate-nos
   Concursos
 
 
 
 
 
 Login:
 Senha:
 
Déda:"Não vou perder tempo com Mendonça Prado"
26/11/07 às 08:17 h


Durante a convenção do PDT, o governador Marcelo Déda (PT), fez um caloroso discurso contra o grupo da oposição, respondendo às afirmações do deputado federal Mendonça Prado (DEM), que o desafiou a debater sobre a Operação Navalha. Déda disse que não perderá o seu tempo para discutir com Mendonça. Não vou debater com Mendonça, nem vou perder tempo com ele. O deputado que vá debater com a ministra Eliana Calmon, que deu a ordem de prisão, afirmou Déda. A respeito das pressões que estão sendo feitas contra si, negando ter algo a ver com a Navalha, o governador disse que Mendonça é quem tem que dar explicações. Ele que vá explicar como o governo, do qual ele participou, permitiu as operações escabrosas dentro da administração. A Navalha é de vocês. Façam uma reunião interna com as pessoas que participaram. Se vocês pensam que me intimidam... há, há, há, ironizou Déda. De acordo com Déda, o objetivo é fazer com que o público esqueça os acontecimentos da Operação Navalha, que levou à prisão membros da gestão de João Alves. Entre eles, o Conselheiro do TC Flávio Conceição e seu filho João Alves Neto. Avisou à oposição vai para a luta na eleição. Chegamos ao poder lutando contra tudo e todos. Aos que não têm medo, se preparem, pois a luta vai ser dura. Eles estão com saudades... estão aperreados. Disse Déda, provocando risadas dos presentes no plenário da Assembléia Legislativa. Diversas lideranças estavam presentes no evento. O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, também esteve na convenção e comentou que João Alves não está conformado em ter perdido o governo para o grupo da mudança. Deu clareza de sua candidatura ao dizer que João está apontando o canhão em sua direção, mas que o povo vai colocar uma pá de cal nas elites de Sergipe. O vereador Fábio Henrique, em uso da palavra, mostrou sua felicidade em ver os seus correligionários nas galerias da Assembléia, estavam todos de vermelho e azul, demonstrando a solidez do diretório municipal de Nossa Senhora do Socorro. Fábio disse que ao mudar seu domicílio eleitoral para Socorro, tomou o mesmo passo de coragem que foi tomado por Déda ao deixar a prefeitura para ser candidato ao governo do estado. Segundo ele, vai para Socorro para implantar as suas idéias no segundo município mais importante do estado. Para o governador, Fábio pediu que Márcio Macedo lhe desse uma mensagem, sendo que Déda já tinha deixado o plenário. Em 2010 ele terá em Socorro, um soldado que vai de rua em rua defender a mudança e a renovação política de Sergipe. Fonte: Blog Fábio Henrique

 + Matérias Relacionadas: